sábado, 24 de outubro de 2015

Aspectos da Grécia Antiga


A educação em Atenas era diferente daquela adotada em Esparta. Eles acreditavam que sua cidade-estado se tornaria a mais forte se cada menino desenvolvesse integralmente as suas melhores aptidões individuais. O governo não controlava os alunos e as escolas. Um garoto ateniense entrava na escola aos 6 anos e ficava confiado a um professor. Ele estudava aritmética, literatura, música escrita e educação física; além disso decorava muitos poemas e aprendia a tomar parte nos cortejos públicos e religiosos. Os meninos tinham feriados apenas nos dias de festas religiosas.

1. Como era a educação em Atenas? Quais os aspectos desse tipo de educação são semelhantes à educação atual?

O "genos" era o núcleo humano em torno do qual se estruturava o "oikos", unidade econômica que compreendia terras, casas, ferramentas, armas e gado, dos quais dependia a sobrevivência do grupo. O trabalho no "oikos" - pastoreio, agricultura de cereais, legumes e frutas, produção de óleo e vinho, fiação e tecelagem - era realizado pelos membros do "genos" e pelos escravos, obtidos através de pilhagens e saques; tanto quanto possível, o "oikos" procurava ser auto-suficiente.

  1. Quais os tipos de trabalhos realizados pelos gregos no ‘oikos’?


  1. Quem realizava os trabalhos?

Nenhum comentário: